19 de set de 2016

O garoto do cachecol vermelho

 
Galeraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa chegou a vez de "O garoto do cachecol vermelhoooooooooooooo" uhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu !!!!! 

Estava louca para escrever sobre ele. Minha segunda leitura amada, esse livro mexeu comigo de um jeito. Então vamos lá começando por onde eu conheci.

Estava eu no stand da Record quando eu avisto o lindo livro dando sopa na bancada. Detalhe era o segundo dia de bienal e já estava acabando os primeiros livros. Óbvio que eu garanti o meu. Apesar de não conhecer o trabalho da Bia eu tive várias indicações então pensei "Vamos nessa conhecer melhor o trabalho dos autores brasileiros que nos dão tanto orgulho". Pois bem e não é que eu xonei! Então mãos a obra.

Melissa uma menina que sonha alto e não mede esforços para alcança-los. E seus sonhos são: Se tornar a primeira bailarina brasileira negra formada pela Juilliard. ( Só que no começo do livo eu tenho vontade de enforcar essa menina!!!!! Falo mesmo rsrsrs, mas depois eu a amo s2), Seu relacionamento com a mãe não é lá essas coisas, Dona Regina nunca esteve presente em sua vida. Tendo que ser virar sozinha, ela acaba por se tornar autossuficiente. 

Na noite de Ano Novo ela conhece Daniel (Dani Dani pros mais íntimos,o cara mais lindooooooooooo do mundo #XonadaPeloDaniDani) que consegue irrita-lá de uma forma. Como se não bastasse ela acaba por descobri no primeiro dia de aula pós ferias que o tal "Vândalo" era aluno na mesma faculdade e pior era filho da reitora. Então no meio de tanta confusão que rola ao longo do livro Daniel acaba por propor algo para ela.

Ele insinua que ela não era feliz de verdade,e decide mostrar para ela, que se passasse algum tempo com ele, ela aprenderia lições valiosas. Então ela começa a andar com ele, a principio odiando. Porém o que menos esperava era que no meio disso tudo um sentimento lindo e maravilhoso nascesse a cada olhar, cada abraço, cada sorrio. Algo chamado "Amor" se espalha pelos corações. Então uma coisa inesperada acontece...

E para saber só lendo, porque se eu escrever mais acabo contando o livro rsrsrsrs.

Hoje vai ser diferente então vou dizer a parte que eu mais amei e a que eu mais chorei também! Amei com todo o meu coração, quando a Melissa decide voltar e encontra Dani Dani no aeroporto, e não digo mais nada se não vou dar spoiler e a outra é claro eu não posso dizer pois estragaria o final. Mas posso falar que morri de chorar que nem dormi de noite.  

A lição que carrego desse livro é que temos que viver intensamente cada dia da nossa vida, e que temos que começar a observar as pequenas coisas que a vida nos oferece, que temos que ser felizes com os pequenos detalhes. Temos que nos dar mais chances. 

Outras coisa bacada e que me fez amar ainda mais esse livro é que aborda temas pesados de uma forma até que leve, como: Abuso sexual, violência  contra a mulher e claro a ELA (esclerose lateral amiotrófica) e ABRELA (Associação Brasileira de Esclerose Lateral Amiotrófica)

Esse livro é fantasticooooooo!!! Vale a pena as boas lágrimas derramadas, pois fica as lições de vida!






Nenhum comentário:

Postar um comentário